segunda-feira, 20 de abril de 2015

The Mix: uma fusão de sabores mediterrâneos repleta de design e requinte


O Farol Design Hotel é um dos espaços de hotelaria mais requisitados e recomendados de Portugal, mas com esta vista deslumbrante sobre o mar e uma localização premium no coração de Cascais também era difícil que assim não fosse. Localizado entre a Marina de Cascais e a Boca do Inferno, este boutique hotel de cinco estrelas tem uma zona exterior que aposta na modernidade aliada ao conforto de zonas lounge com espreguiçadeiras que convidam a relaxar, ler um bom livro e beber um cocktail. Esculturas abstratas e uma arquitetura que mistura a imponência de um edificio do século XIX com uma nova estrutura que surgiu em 2002 tornam este hotel num espaço onde impera o design e o bom gosto.


O Marcas Avant-Garde foi visitar este boutique hotel e a nova carta do elegante restaurante The Mix conhecido pela sua cozinha mediterrânea de fusão, mas também pelo sushi, e as expectativas (altas) não foram defraudadas. No prato, o design também não é esquecido e cada refeição prima pela perfeição de cada elemento. Mas antes de falar da comida, não podemos deixar de comentar a decoração forte e absorvente que não deixa ninguém indiferente. Os imponentes candeeiros de teto, as esculturas da parede que fazem lembrar os corais do fundo do mar e o contraste de cores neutras (branco e preto) tornam este restaurante num espaço único.


Para entrada, o chef executivo Hugo Silva confecionou por uns raviolis de ricota, mascarpone e frutos secos com vinagrete de tomate e balsâmico. Gostei particularmente das texturas criadas pelo presunto crocante e pelos pedacinhos de tomate cortados com exímia e a máxima perfeição.


No que respeita ao prato principal - bacalhau com broa, abóbora e amêndoa salteada - destaco a reinterpretação deliciosa de um prato tipicamente português. Os sabores e texturas da abóbora e da amêndoa funcionam lindamente com o bacalhau em lascas brancas e tenras que se desfaz em cada garfada. A broa crocante e o molho também não desiludem neste conjugação de sabores. 


Para sobremesa - o que para uma assumida gulosa é sempre a melhor parte -, o chef Hugo Silva optou por uma Torta de Tomate com Sobert de Manjericão. À primeira vista a combinação de tomate com manjericão fez-me lembrar piza, mas assim que o prato chegou à mesa rendi-me à apresentação elegante e esqueci qualquer confusão de sabores. Mais uma vez, os ingredientes levam-nos numa viagem à culinária portuguesa, pois quem nunca comeu uma sandes com doce de tomate na infância que coloque a mão no ar. A torta desconstruída recheada de doce combinada com um sorbet fresco de manjericão são sem dúvida uma combinação soberba e original.


Depois de um almoço na melhor companhia e com uma ementa que superou as expectativas, saimos do Farol Design Hotel com imensa vontade de experimentar o sushi. 

Sem comentários:

Enviar um comentário