segunda-feira, 23 de novembro de 2015

#26semanas: aquele momento em que até me esqueço que estou grávida


Por vezes lia alguns posts e textos de outras mamãs que falavam sobre a diferença entre as gravidezes do primeiro e do segundo filho e ria-me a pensar que não podia ser tão diferente assim. No entanto, às 26 semanas de gestação do Pedro olho para trás e penso que afinal é mesmo assim, ou ainda mais.

Se na gravidez da princesa Leonor tirava fotografias à barriga religiosamente todos os meses na mesma posição para comparar a evolução; do baby Pedro a primeira foto que realmente tirei e que partilhei já ia nas 21 semanas...

Mas isso na verdade nem é o mais flagrante. O mais evidente para mim é o facto de por vezes até me esquecer que estou grávida, tal a azáfama do dia a dia e do facto de ter uma princesa que precisa de mimos e atenção 24 horas e que nos absorve de tal maneira que acaba por nos fazer esquecer de alguns daqueles momentos de passar a mão pela barriga, escolher roupa de grávida de forma tão cuidadosa e até de começar a preparar o enxoval do feijãozinho.

Até os desejos estão a ser vividos de uma maneira diferente. Na gravidez da Leonor não resistia a nada, queria simplesmente aproveitar aquele momento de forma plena e tranquila, sem contar calorias ou pensar na balança. E o que é certo é que isso se refletiu nos 20kg ganhos durante as 41 semanas de gravidez. Desta vez, vou nas 26 semanas e segundo as últimas pesagens, o saldo positivo não passa dos 4kg.

A melhor diferença é mesmo o facto de todos dias a princesa Leonor nos lembrar que o mano Pedro está na barriga da mãe, vê-la a subir-me a camisola para dar um beijinho de bom dia ou de boa noite ao irmão e dizer com cara de espanto: «o mano Pedro ta a mexeee!».

Ser mãe é de facto uma dádiva única e especial...

Sem comentários:

Enviar um comentário