Será que é obrigatório haver um príncipe encantado?


Esforçamo-nos imenso por mostrar aos nossos filhos que a vida nem sempre é um conto de fadas; que nem todos são na verdade príncipes e princesas; e que muitas vezes não há o tal príncipe encantado que aparece nas histórias infantis. E que na realidade não há problema nenhum com isso porque na verdade cada pessoa pode ser feliz à sua maneira, com ou sem príncipe. 

Mas a princesa Leonor ainda não vê as coisas dessa maneira e ontem quando estávamos a ler um livro percebi isso quando ela exclamou muito surpreendida: "Mamã estas princesas da história não têm príncipes..." eu acabei por lhe responder com uma pergunta: "Mas não há problema pois não?"

"Há mamã. Temos de fazer mais príncipes para elas, senão todos os meninos da história vão gozar com elas..."

Dá que pensar, não?

Share:

0 comentários